☼❂✹

Pessoas de luz serão sempre pessoas de luz, por mais almas que possam haver a tentar demovê-la, a contaminá-la com más palavras e energias. Se uma pessoa for de luz, fizer tudo pelo bem, não há ninguém - com papelzinho de vítima, um/a hipócrita, maldoso/a, falso/a, donzela em perigo...o que quer que seja - que consiga tirar de si o bem, o que é suposto ser seu.


As (ex) companheiras de blogosfera ♡


Adivinhem com quem estive no domingo passado? A Effy e a Roxy, ainda se lembram delas? Sim, tenho imensas saudades delas aqui pela blogosfera, acompanhamos o caminho blogger umas das outras e agora só cá estou eu! Mas... Mantenho contacto com elas, temos um chat de grupo no facebook (ahah) e visto que ontem foi o aniversário da Effy, domingo a menina fez um visita à terrinha e estivemos as 3 juntas, pela primeira vez em, 5 anos? 5 anos! São tão loucas pessoalmente, mais ainda, quanto eram no blog!
Sim, claro que tentei convence-las a voltar, acreditem que o bichinho continua lá, mas está complicado!!
Sinceramente? Estou ansiosa pela próxima visita, e seremos nós a ir à Santa Terrinha da Effy ♡

Já chegou mesmo ?

O outono já chegou. Já estamos em outubro. Mas parece-me que o senhor S.Pedro ainda não recebeu lá a notificação de tal época e acontecimentos recorrentes. É que por aqui estão 27º!!

Conversas de café ☕️

*sentem aqui, vamu conversá'*

Vamos ter uma conversa sim? Tenho umas coisinhas para vos contar sobre o meu bebé fofinho, vamos falar sobre a season finale e all time finale né... de Teen Wolf!
Vamos lá a isso, não me responsabilizo se este post se tornar demasiado longo e se fugir aos temas que citei anteriormente. Mas as conversas de café são mesmo assim, não é?

Ainda não vos disse ✶


Há muitas novidades, não assim surpreendentes, mas novidades que ainda não vos contei.
Bem, ainda não apresentei o projecto, quando muita gente (que temo pelo menos uma, já entregou depois de mim e não fez qualquer tipo de requerimento) já o fez. Para a semana vou ver se vou à secretaria responsável pelos projectos e afins, a ver se me esclarecem. Estou preocupada com a data, por outra razão, que é a próxima novidade.
Vou outra vez à Suiça!! A minha tia convidou-nos outra vez, vamos eu, os meus pais e a minha vozita. Partimos no dia 26 de madrugada, e chegamos dia 30 a meio da tarde - não tenho a certeza quanto à chegada, para verem bem -, vamos em tempo de outono, mais uma vez, o que não me podia deixar mais feliz! Vou voltar a estar com os meus primos, vou desanuviar, vai fazer-me bem!
Então terei de tratar do assunto "apresentação do projecto", para ver se não tenho o azar de me calhar no dia 26 ou no dia 30! *fingers crossed*
Outra coisinha, já me matriculei, e estou no mestrado de criminologia da minha universidade, a título condicional. Condicional porquê? Porque não apresentei o projecto, nem nota de estágio, logo não sou licenciada completamente, logo só passarei a aluna regular quando tiver a nota de ambas as coisas.
Desejem-me sorte para tudo isto. Preciso de todas as boas energias que possam haver!! ☸


P.s. Uma ajudinha vai, estão a ver que as mensagens aqui do blog estão separadas? Eu queria colocar, os limites, a serem contínuos, entendem? Sem ter uma divisão entre os posts....Alguém me pode ajudar?

I've been waiting for you, my dear ♥


Está na altura de trocar os lençois da cama por uns mais quentinhos, trocar os pijamas curtos pelos de mangas e calças mais compridas, tirar as mantas do armário. Deixar as séries de verão, optar pelas mais cozy. Preparar os filmes de terror. Escolher os melhores chás a fazer. Procurar receitas de bolos da caneca na internet. Retirar mais livros da estante. Claro, fazer uma 'Automn/Fall' no spotify.
Falta-me algo? 
Bem-vindo Outono, seu lindo! ♥♥♥





P.s. Gostam do novo visual do blog? Arranjei-o num daqueles sites de Free templates. Ou seja, não posso fazer muitas alterações! Mas e vocês, que acham? (se forem do tipo de pessoas que gosta de fazer temas de blogs todos bonitos e tem tempo para isso, estou disposta a dar-vos "trabalhinho" e caso goste, uso aqui :))

Isto anda complicado ☂


A frase do título é, muito provavelmente, a que eu mais tenho usado ultimamente. Digo-a a toda a gente, a mim própria, em várias questões.
Tenho andado afastada daqui, porque tenho andado mesmo stressada...Por causa do coro, mais concretamente devido aos meus colegas de direcção. Não, o Luke já não é nosso maestro, mas a tag dele cá no blog continuará a ser essa, porque para mim ele será sempre o digno maestro. Só não o continua a ser porque não quis, prioridades, neste momento deu prioridade aos estudos, decidiu ir para a universidade. Quem sabe... Se para o ano, quando estiver ambientado à uni, e souber conciliar tudo, não volte!
Tenho então andado sob pressão, também por causa da universidade, da apresentação do meu projecto e do que se seguirá a isso. Eu própria, coloco muita pressão sobre mim, sei disso, tenho que concentrar mais em mim, colocar tudo o que não me faz bem de lado.
Espero que por esse lado esteja tudo bem*

Chegou O mês ☽


Se há mês que me faz sentir que, tanto pode ser dos melhores, como dos piores do ano, este ano esse mês é este, Setembro!
Bem vindo, mês das decisões, dos vários recomeços, das emoções, das coisas importantes a fazer, das bipolaridades. Bem-vindo, Setembro 

Finally (?)


Estou finalmente de volta a casa, de volta à terrinha. Como estou de volta, voltam também todos os afazeres e afins que nunca me 'falham'.
Agora, tudo se resumirá a tempo, tempo que terei até a apresentação do projecto - ainda não fui notificada para isso - , tempo para tratar de tudo para as festas daqui e o que isso acarreta para o coro, tempo para decidir - depois de apresentado o projecto - o que fazer com o meu futuro. tempo.

Just great ⊙


Para terminar bem esta minha estadia pelo Algarve, ontem passei o dia doente, com dores de barriga. Estive sempre deitada, sem puder aproveitar nada.
Hoje estou melhor, já me aguento em pé, já como minimamente bem, dói-me só um pouco a barriga, de vez em quando sinto pontadas, espero bem que isto passe. Amanhã de manhã arrancamos, de volta à terrinha.
Finalmente, porque sinceramente, estar de férias mais que 10 dias, torna-se cansativo, monótono... Mas, ao mesmo tempo, não estou com muita disposição para voltar a dar de caras, e aturar, certas pessoas.

Não lido muito bem ⇣


Sou uma pessoa muito organizada, acho que já repararam  nisso. E nada calma, quando as coisas têm de ser feitas, tem de ser feitas ponto. Então, não lido lá muito bem com pessoas que não são assim, pessoas que tem de se arrumar algo,  nem que seja levantar a mesa e me dizem "respira..." ou "calma...". For real, isso não vai acontecer, e eu vou ficar com imensa vontade de vos partir algo na cabeça! 
Por consequência e infelizmente, normalmente as pessoas com esta característica têm outra, a incapacidade de sem pensar por vezes  ter em consideração os outros, em coisas como o que se está a comer/beber ao almoço, o que se quer fazer sendo que a sua vontade deve ser a principal, esse género de coisas. Percebem?

Actualizando ✹


Ontem, fui ao jantar de aniversário do Toby - estou tão chocada com este convite e insistência para  ir como vocês! - eram 30 pessoas mais ou menos, e eu só o conhecia a ele, e mais 3 pessoas, mas conhecer mesmo porque de amigos meus, era só o aniversariante! Não minto, senti-me um pouco mal, nem parecia a Nea o jantar todo, estava calada, basicamente. 
Hoje tenho reunião do coro, vou ficar calada porque não me quero mesmo chatear, na direcção somos basicamente divididos, eu e a Rachel de um lado e os outros dois do outro! Talvez vos conte um pouco de tudo isto noutro dia. Mas são apenas os tipos de pessoa que gostam de sair por cima, sempre.
Amanhã, às cinco da manhã estou a pé, porque por volta das seis partimos rumo ao Algarve! :)
A minha prima Maggie vai connosco, vou ter companhia, é da maneira que eu me poderei distrair das chatices do costume, já lhe dei os avisos relativamente ao meu avó e afins.
Não prometo que publicarei algo por aqui, porque não sei se arranjarei tempo no meio de tudo. Espero que vocês fiquem bem e tenham um bom resto de mês! **

➳ Q&A | Part 6


Para finalizar, as últimas perguntinhas foram feitas pela Emma. Aqui vão elas:


  • Última música que ouviste 
Engraçado, foi a da banda sonora de Amor Maior :)
  • Algo que te irrita 
Certas - bastantes - características que pessoas têm... As más sabem?
  • 3 hábitos teus
Ir à casa de banho antes de me deitar para dormir, e quando acordo de manhã 
Tomo sempre café depois de almoçar, sempre.
 Sorrio, em todas as conversas, nem que seja para animar as pessoas.
  • Uma pessoa de quem tenhas saudades
A Japa!
  • Que promessas fizeste a ti própria?
Agora que terminei a licenciatura, de que optaria pelo que me fará feliz!

➳ Q&A | Part 5


Eu sei, eu sei que ainda não respondi a todas as questões que me colocaram há, literalmente, meses! Portanto, hoje estou aqui para responder a mais algumas.
Quem ainda não leu as respostas anteriores, podem vê-las aqui.

Estas são as restantes questões da Messy Jessy:


  • Se pudesses mudar 3 coisas no mundo o que farias? 
Mudaria toda a desigualdade que há, toda, de todos os aspectos e variações!
Mudaria a saúde, porque é o mais importante e o que afecta negativamente muita gente.
Por último, ligeiramente diferente, todos os livros seriam de graça, sendo que quem tem posses e pudesse contribuir, fá-lo-ia.
  • Qual é a tua estação do ano preferida e porquê?
Eu não consigo responder a esta questão, juro! Bem, o Verão, ao contrário da maioria das pessoas, não está no topo isso posso dizer. Gosto do Verão, não me interpretem mal. No entanto, prefiro o meu Inverno - meu porque eu faço anos em Janeiro - ou o lindo do Outono!




Sim, podem continuar a fazer-me perguntas**

It is August after all ♔♡


E uma das coisas que me faz bastante feliz começou esta semana, vou aproveitar enquanto dura.

{}

ler, reler, relembrar isto. repetir, quantas vezes for necessário.

Último Dia ➵


Chegou, finalmente, o último dia do mês de Julho. 
Sexta-feira entreguei o meu projecto de graduação e o relatório de estágio. Estou oficialmente de férias, pelo menos por este mês, até à apresentação do projecto - ainda não sei se será em Setembro ou Outubro - depois disso, não sei se pararei por um ano, se me inscrevo logo para o mestrado na mesma universidade... 
Quanto à minha tia, ainda está no hospital, nos cuidados intensivos, já está a deitar a infecção para fora. Mas não se sabe se não terá sequelas. 
O melhor a fazer neste momento, em relação a tudo, é viver um dia de cada vez, com calma. O que tiver de vir, virá.

Mind over the matter. Mind over the matter ☆


O mês de Julho é sempre um mês mau para os meus lados, e nunca tive razões para dizer o contrário...
A semana passada houve uma grande discussão na minha família, ontem uma tia minha foi parar ao hospital e está em coma.
Espero que ela fique bem, espero mesmo, ela é o pilar da casa dela, se ficam sem ela agora... Shh, não posso pensar nestas coisas.
Ela vai ficar bem, tem de ficar. A sensação de impotência é grande, agora resta-nos ter fé, apenas. Acreditar que tudo vai ficar bem 

Há melhor coisa? ✈


Estão a ver as pessoas que vão ao programa da Cristina e do Pedro, e como prémio de sonho escolhem um outro qualquer, que não a viagem de sonho? Não os entendo, não sei como não escolhem logo a viagem!
Como diz a imagem: viajar, é a única coisa que tu compras que te torna mais rico!
Acho que basta isto, não sou viajada, gostava de ser uma pessoa bastante viajada mesmo. Mas acho que viajar é uma coisa que nos transmite sensações únicas, de sonho.

Tudo gira à tua volta, em função de Ti ✝


 Não deixem já de me seguir, nem comecem já a achar que sou um católica toda louca e 'ferranha' até porque isso para mim não existe, uma pessoa assim não poderá ser católica (espero que estejam a entender) porque se fosse não faria o que faz, tentaria sempre por em prática aquilo que Deus nos transmitiu...
 Eu sou católica, não vou dizer praticante porque perdoem-me mas eu sou da opinião que isso de católico não praticante não existe, ou se é ou não se é!! Tu não vais à igreja e afins, mas em casa falas com Deus à tua maneira? Cantas, falas como se fosse um amigo? Então és católico/a, ponto.
 Eu não sou das beatas, e jovens - sim também há jovens assim!! - que vão à igreja, bater com a mão no peitinho, "venha a nós o vosso reino" mas o "seja feita a vossa vontade" não importa... É triste! Revolta-me saber que "divido igreja" com pessoas assim. É pura mesquice.

Eu faço parte de um grupo coral de jovens. Fiz o crisma. E depois entrei para este grupo, melhor decisão que já tomei, entrei por estar com uma depressão e curei a depressão. Arranjei amigos, uma segunda família.
 E no meu coro, assim como com as boas pessoas da nossa igreja, eu aprendi e aprendo, aprendo sempre a essência de ser católica, o verdadeiro significado da palavra . É este acreditar que algo melhor virá, que há uma razão para tudo, que nunca estamos sozinhos, é isto que nos move.
 Lá, posso ser eu própria, sem medo do que os outros possam pensar. Estou com pessoas que me conhecem há 5 anos, e isso já é mais do que suficiente para me fazerem sentir sempre eu mesma. 
 São nas pequenas coisas que vivo lá, principalmente no coro, que eu sinto que Deus existe sim, existe através destas pessoas que me recebem, aceitam,apoiam, todos os dias, independentemente de tudo. 
 Se nós lá dentro nos damos todos bem? Claro que não! Longe disso. O Stiles, a Sophie, a Caroline, e afins, todos nós andamos neste grupo. Mas quando temos este mesmo objetivo, ultrapassamos estas adversidades. Não estou a dizer que sou amiga destas pessoas como de um amigo mesmo meu, mas falo com elas sobre o que é necessário para o grupo. Estão a ver quando não podem levar problemas de fora para o trabalho? É exactamente a mesma coisa, o coro é o nosso trabalho comum e temos de o respeitar.

 No domingo foi este passeio que já vos falei no post anterior, e cada um de nós tinha a sua música, sem saber o motivo para tal. Então lá para o meio do dia começamos a tentar explicar o motivo de cada música em cada um, de uma forma muito profunda. Aleatoriamente, eu fui a última pessoa e respectiva música de quem falara, e surpreendentemente foi a mais longa explicação. Explicaram que isto teria a ver muito com a minha pessoa, o que sou no grupo e fora dele, porque já não existe uma Nea que não esteja relacionada ao coro - e vice versa! ooh - tudo gira em volta do coro na maioria da minha vida e é isso que a escolha da música no fundo quer dizer. Também foram buscar o que eu contei há uns meses, o porquê de naquela altura ter entrado no coro, a depressão e disseram que também poderiam relacionar com isso que o ponto/a estrela que me move são os meus problemas, no bom sentido, porque os problemas não são obstáculos/muros, são degraus que uma pessoa tem que ter a capacidade de ultrapassar e graças ao grupo em parte, eu fiz e tenho feito isso.

 Bem, acho que vou parar por aqui, o post está demasiado longo já. Ainda teria muito que falar, mas já chega!
 Querem falar de religião comigo? Podem falar! Adoro isto.
 Conheço gente evangelista, até budhista, e se não conhecer quero pesquisar porque adoro saber mais disto! 

Compensou, compensou tanto ♡


De quinta para sexta, não dormi lá muito bem. Aproveitei a manhã e a tarde para adiantar o projeto.
Sexta à noite deitei-me à uma, porque andamos até essa hora a preparar tudo para o concerto do coro - acartar cadeiras e mesas, limpar e decorar todo o local onde faríamos a festa...
Dormi, mas estava sempre a acordar de longe a longe.
Sábado acordei às 9h para estar lá no local outra vez, a acabar os últimos pormenores, às 13h fizemos uma pausa para ir almoçar rapidamente, fui a casa tirar o fato de treino e vestir umas calças de ganga com a t-shirt do grupo. Depois fui comprar umas coisinhas que faltavam e voltei. 
O bar abria às duas, o meu horário era só das quatro até às seis, mas eu acabei por ficar lá toda a tarde. Se não o fazia a coitada da Dali ficaria sozinha a fazer o trabalho todo, quando não estávamos a fazer nada, estava alguém a perguntar-me a mim o que devia fazer, como fazê-lo e ajuda para tal.
Foi um dia mesmo muito stressante, fiz o melhor que pude sempre, mas não sei porquê sempre que o Luke falava para mim ou falava mal, ou era a pedir que fizesse algo. Presumo que fosse por causa do stress.
À noite, foi o último concerto com o Luke como maestro, pois ele não ficará mais à frente do grupo como elemento de direcção nem como maestro. Isto deixa-me tão mas tão triste, ninguém imagina... Pedem-me para eu continuar, até me pedem para ficar eu à frente disto daqui para a frente. Mas sozinha, eu não consigo... Terei de pensar, muito bem! Ver quem ficaria na direcção comigo...
No momento do concerto, esquecemos tudo isto, simplesmente vivemos o momento, curtimos a música! Fizemos o Luke ficar orgulhoso e todo feliz, demos-lhe uma lembrança muito querida!!

No domingo, foi o nosso passeio anual. A Rachel fazia parte do grupo de organização comigo, foi sempre uma grande ajuda, e no dia seria ela a ajudar-me e a tratar de muitas coisas. No entanto, durante a noite ela sentira-se mal, indisposta e fez febre, então ontem acabou por não puder ir connosco.
Fiquei nervosa quando de manhã li a mensagem dela, senti que não ia saber que fazer e as coisas iam correr mal. Mas ao longo do dia foi acontecendo o contrário.
Não foi um passeio como nos outros anos, porque no dia anterior com o concerto, o pessoal estava muito cansado, então fizemos actividades mais soft com muitas pausas pelo meio.
Correu tudo bem.
Cheguei ao fim deste fim-de-semana de coração cheio!

Como sempre, são as pequenas coisas ⊗


São as pequenas atitudes de: se ele fala comigo, a menina amua; se ele tem de ir tratar de assuntos de direcção e afins comigo, a menina chateia-se com ele; e se a menina se chateia, ele muda logo a atitude  com a Nea. Pois, of course que sobra para a Nea, porque foi a Nea que errou em primeiro lugar...!
Desculpem, mas não consigo compreender as pessoas que arranjando namorada/o se esquecem dos amigos e amigas, de quem sempre esteve lá, até nos piores dos piores momentos. Aquelas pessoas capazes de descartar e colocar completamente de lado as amizades... Acho tão injusto. Não consigo entender.
É o acumular das pequenas coisas que me fazem dizer: Chega. Tenho que fazer o que já devia ter feito há muito tempo, não estou para viver neste modo telenovela, em que o casalzinho ora está bem, ora está chateado, e eu que fui a tramada desde o início é que desempenho o papel de: amiga que a namorada não gosta e quer longe. Se o que querem é a Nea afastada, é a Nea afastada que vão ter. 
Pode-se dizer: Não quero perder a tua amizade, continuas a ser das pessoas mais importantes e não me vou afastar de ti por isto, por mais que tu Nea, te queiras distanciar. Isso mesmo, dizer, as atitudes têm revelado outra coisa. Eu é que não devia ter continuado lá, a desempenhar o papel de amiga, mesmo depois de tudo.
Foi essa a sua escolha há já meses atrás, repetida agora vezes e vezes sem conta, pois então agora, esta é a minha.
Para mim, chega.


P,s, Como já li umas vezinhas, se não entendem e não sabem da história toda, não digam que isto são ciúmes. Por favor, não pode estar mais errado!

Quero ir à praia ☼


Mas ainda não posso...
O relatório de estágio está quase pronto.
O projecto, esse é que já não sei. Tenho toda a informação literária, só ainda não está organizada, mas está passada a computador sim, já tenho as capas, e o resumo. Ainda me falta organizar toda a informação e tratar da parte teórica. A data limite de entrega é 31 de Julho, mas aqui a Nea não queria entregar em fins de Julho...

Changes ☆


  Esta semana ando em (grandes) remodelações no meu quarto. A mobília antiga está a sair toda, até nova cama tenho para colocar. 
  E se antes não havia espaço para uma secretária/escravaninha, agora é obrigatório que haja! Perto da janela, que eu gosto da luz lá de fora a entrar quando estou quer a estudar, quer aqui pelo blog, o que quer que seja!

  Sim, actualmente estou a dormir no sofá da sala mesmo, uma vez que esta mudança toda implica muito tempo para montagem de mobília e o senhor carpinteiro só cá vem fora da hora. Então, a cama ainda está em processamento. Mas digo-vos que o meu sofá é bastante confortável!

Não sou só eu, certo? ✎


Muitas das minhas ideias para posts - e algumas vezes até para outras coisas - surgem-me apenas à noite, quando já estou deitada para dormir, sem nada em que escrever ou mesmo mais para o estado adormecida que nem dá para levantar e escrever.

Sou sempre do contra ⇝


Sei que a maioria das pessoas não gosta nada de chá verde, eu gosto bastante! Gosto mesmo.
Já no que toca a chá preto... Blhac! Não gosto nada, dispenso bem.

Only If ↺


Acredito bastante que quem estiver destinado a estar na minha vida irá voltar para ela, não importa para quão longe possam vaguear. Leve o tempo que levar. Se tiverem de voltar, voltam.  
(Vamos só destacar esta parte, se tiverem de voltar. Se não voltarem,é porque não contribuiriam em nada para a minha felicidade!)

❝ ❞

Há sombras escuras na terra, mas as suas luzes são mais fortes no contraste.
You don’t get better on the days when you feel like going. You get better on the days when you don’t want to go, but you go anyway. If you can overcome the negative energy coming from your tired body or unmotivated mind, you will grow and become better. It won’t be the best workout you have, you won’t accomplish as much as what you usually do when you actually feel good, but that doesn’t matter. Growth is a long term game, and the crappy days are more important.

tradução

Tenho andado assim. ○ mau ciclo

everything. nothing

Podem dizer que não o reparam aqui pelo blog, garanto-vos que quem me rodeia pessoalmente - excepto os meus pais que vivem comigo 24/7 - também o poderá dizer, mas eu ando com uma bomba de sentimentos (infelizmente maioritariamente maus) dentro de mim.
 Sentimentos de raiva maioritariamente, porque ultimamente são muitas as situações que me revoltam - o novo modo de estar da minha tia, a maneira como a minha mãe encara o mesmo (descarregando em mim a maioria das vezes)
- a maneira do meu avô tratar as pessoas (e nem me façam falar dos animais!), principalmente o meu pai (de um modo: pobre e mal agradecido), ele é o genro que o homem não merece ter, de todo; graças a esta situação há toda uma outra complicação no que toca a carros (o de cá de casa avariou de vez, deste modo andávamos com um da minha tia, que o meu avó diz ser dele, claramente; outra coisa que me dava o dobro do trabalho: a minha tia foi operada e não pode conduzir, eu é que tinha de fazer os afazeres diários típicos desta);
- o facto de não puder recusar um favor à minha mãe, que já fica logo chateada, porque nunca lhe faço nada. (eu tenho um projecto de graduação para fazer, eu tenho um relatório de estágio final a entregar, eu sou da direcção do meu grupo/coro, tenho compromissos, tenho uma vida como qualquer outra pessoa, ao contrário do que ela possa achar - uma vez que diz que passo as tardes sentadas no sofá e no computador (é no computador que se fazem os trabalhos e afins)!!)
- os vizinhos, os vizinhos que me fazem pensar que eu devo viver num manicómio sem ter conhecimento pois comportam-se como verdadeiros tolinhos. ora é o de baixo que berra, repito berra, canta os cânticos do benfica enquanto bate palmas como se estivesse em pleno estádio em dia de jogo, todos os dias! ora é a de cima que não tira os sapatos de tacão quando chega a casa e faz questão de cumprir todo um ritual qualquer de andar por toda a casa durante uns bons minutos. ora é o outro bêbado que só está bem a provocar e estaciona o carro como se o estacionamento fosse só dele, ou então à entrada da garagem, onde não deve estacionar! ora é o marido e a mulher que andam literalmente, à pancada e no dia seguinte já não se passa nada. e claro, não podiam faltar, as/os cuscas, que só estão bem a querer saber e comentar a vida dos outros.
- a Caroline, miúda que pela calada faz coisas que me irritam solenemente e me dão vontade de ou agir da mesma forma ou conversar sobre tudo isso com o Luke. Nomeadamente, visto que namora com o outro "maestro" do grupo, pede-lhe ajuda com as novas músicas e quando se chega aos ensaios, é a senhora dona da razão que os outros não se podem enganar, ela não se engana porque já treinou em casa e bla bla bla...
- o facto de a minha querida Maggie não entender este último ponto - eu ainda nem falei com ela sobre isto, nem sei se hei-de, ela tem confiança neles e na sua amizade, não a quero magoar nem ser eu a destruir amizades - pois crê muito, demasiado até, na bondade das pessoas e na possibilidade destas mudarem, mesmo já tendo feio coisas que não são propriamente boas no passado.
- certas situações relativamente ao Stiles e Sophie que ainda me deixam aqui com um bichinho não muito bom. Por falar em situações relativamente a este assunto, talvez deve-se fazer aqui um recapitular de toda a história para vos fazer entender melhor tudo o que disse com demasiado tempo de distância ou que algumas que chegaram cá recentemente não apanharam... Nem sei!

 Estes pontos, estes sentimentos, que me fazem andar numa verdadeira roda viva cá dentro, capaz de explodir a qualquer momento. O meu coração chega a apertar em certos dias de tanto que guardo em mim. Sinto-me mesmo muito revoltada, sinto-me também cansada e se ímpeto para fazer seja o que for. Estou a adiar o projecto de graduação de dia para dia, o que não devia acontecer, porque estas coisas me estão a consumir. Estão a sugar-me as energias que tenho todas, deixando-me sem vontade para absolutamente nada. Sinto que não tenho a recorrer, porque ora estão em aulas, ou em trabalho, ou eu sinto que irei incomodar e as pessoas achar que estou a exagerar, ou dirão que não terão tempo para mim.
 Estão a ver as energias, e pensamentos negativos que vos falei há uns tempos, é isto que me fazem.  Olhem para mim agora! Não quero que estes pensamentos dominem, que as minhas energia sejam sugadas, quero fazer mais do que estar em casa, no computador, num ciclo vicioso. Quero mais, mas não me deixam. Eu, não me deixo.

 Obrigada por me deixarem deitar cá para fora, já que não o posso fazer em mais lado nenhum...
 Por uns momentos, estou melhor agora que escrevi.



P.s. Conseguem ver a imagenzinha separadora entre os posts?

Suficiente.

imagem total feita por mim. fundo retirado do weheartit ⁎
Satis ‧ Enough Suficiente

A capacidade de se achar suficiente; que o que possui é suficiente; que os seus são suficientes; que a Terra é suficiente. 
Que diz, enough, já chega. Chega de sofrer. Chega de se gerir pelos outros e não por si. Chega de procurar quando na verdade tudo o que já tem, já chega. Chega de desistir. Chega de dizer que não chega.
Que age de acordo com o suficiente. Que é feliz, com o suficiente.
Suficiente é satis.

Harry Fuckin' Styles ♡ | Vamos falar de crushs #2


Não é segredo nenhum, que eu sempre fui uma fã dos One Direction.
E uma pessoa tem sempre aquele que prefere, por quem tem um maior carinho! 
Para mim, esse é o Harry Styles. Então, devem imaginar o orgulho que eu tenho sentido desde que ele lançou as suas músicas a solo!!
Já ouvi todas as músicas e juro, juro que não sei qual a minha favorita! Acho que Kiwi devia ser um single e ter o maior sucesso, contudo esta será uma daquelas músicas que será pouco valorizada a nível geral...
Two Ghosts é a "balada" que eu adoro. 
Sign of The Times, será sempre Sign of The Times, há qualquer coisa nesta música que me toca de uma forma que não sei explicar, talvez por ser a primeira?

Deixem-me só aqui dizer que estou a adorar as músicas dos outros meninos, o nosso Irish Boy -Niall - outro ser mais fofo do mundo, com uma voz ainda mais fofa, e músicas que nem dá para explicar! A força em pessoa, que é o Louis, depois de perder a mãe, só mostrou ser motivo de orgulho para ela, para todos! O Liam, o daddy, será sempre aquele que traz esperança a todos, à banda, às fãs, a toda a gente! 
Já disse que os adoro? Estão a provar o que valem a quem sempre duvidou deles.

Voltando ao Harry, com todas as novas músicas só me deu mais uma razão para eu perceber o porquê de "pender mais para ele" :)

Maio já está quase a acabar!


Sexta Feira foi o meu último dia de estágio. O que quer dizer que agora me posso dedicar apenas ao projecto de graduação.
E ainda bem que está este tempinho, pois ler os calhamaços que tenho a ler assim até é bom :)

3 aninhos



O tempo passa mesmo a correr, querem uma prova disso?
Este blog fez esta semana 3 anos de existência!
Parabéns ao blog, parabéns a vocês!
Obrigada, por estarem sempre desse lado ♡☽

Melhor semana!

Não há melhor imagem para este post, para esta semana

Tudo começou no domingo, em que cartolei, tinha lá a minha madrinha e a minha família, não dá para explicar a sensação de se ser cartolada. Acho que só me caiu a ficha de tudo, na terça, quando estava a caminho do cortejo, o cortejo que faria de bengala e cartola, como finalista. Tinha noção sim, da etapa que estava a acabar, do dia e da semana que era! Mas não chorei, acho que - tanto eu como a japa - estávamos tão focadas em aproveitar ao máximo que nem paramos para pensar mesmo e chorar.
Estava feliz nesse dia, estava mesmo, querem saber uma coisa que eu fiquei mesmo: "Há cenas do caraças!!"?
Vou contar, choveu durante o cortejo, choveu mesmo bem, mas houve uma parte mais concretamente às nove da noite mais ou menos em que começou a chover torrencialmente (tanto que o meu traje mais parecia todo ele feito de água e não de tecido ao fim de 1 minuto) e em que zona é que a minha uni estava? A chegar aos clérigos, imaginem como fiquei! Os doutores começaram a tratar de mandar os caloiros para cima do camião para ficarem abrigados. Enquanto isso, a maioria dos finalistas andava à chuva na mesma, a curtir.
Cheguei ao fim do dia/noite de coração cheio por tudo o que tínhamos feito e por termos dançado, literalmente na chuva! Posso dizer que eu, Nea, dancei na chuva no meu cortejo! Tão feliz!
A queima em si, foi boa sim, mas o mau tempo não dava para aproveitar tão bem como uma pessoa queria, então acabei por não ir tanto dias como planeava.
Sábado fiz o meu jantar de finalista com a família, tão bom! Saímos do restaurante a festejar e ainda a recuperar da emoção que foi ver o Salvador ganhar a Eurovisão, com o maior número de votos de sempre! Tão orgulhosa ♡
Deitei-me eram 3h e no domingo acordei as 8h porque tinha um pequeno passeio com o coro! E que passeio, fomos convidados para cantar num concerto pelo padre que é da nossa terrinha mas está lá como pároco, olhem... Foi tão lindo, numa das músicas pusemos esse nosso amigo padre a chorar, o maestro disse que se arrepiou todo e estava super orgulhoso, pois os raspanetes que nos tem dado, acabou por dar bom fruto! Não somos tantos com éramos noutros tempos, é certo, mas ontem senti que estávamos imensos, enchemos aquela igreja!
À vinda embora, era uma animação imensa no autocarro, cheguei a casa cansadíssima, mas de coração cheio!
Foi uma semana repleta de coisas boas, de emoções, de tantos sentimentos... Tão feliz!
Espero que vocês estejam bem ♡

Finalista quem?!

EU

Pelo final desta semana estarei eu a trajar mais uma vez, mas com todo um outro significado. Será a primeira vez que irei trajar como finalista. Finalista!
O tempo passa demasiado rápido, principalmente nestas coisas, já o disse e voltarei a dizer todas as vezes que foram necessárias e me apetecer: São os melhores anos na vida de uma pessoa sim! E eu daria tudo para vivenciar todas as etapas que passei, como caloira, pastrana, doutora, tudo. Não fui a pessoa mais assídua na praxe, talvez porque na minha universidade não "puxa" assim tanto quando isso, mas o espírito académico eu tenho-o todo e mais algum, oh e de que maneira!
Quero chorar, e chego a chorar mesmo, de cada vez que me lembro que a licenciatura acaba não tarda nada, que não vou estar mais com a minha japa e as loucas da minha turma. Como é que vivemos tantos anos com as pessoas do básico e secundário e apenas três com estas amizades universitárias?
O meu único desejo agora é aproveitar a queima ao máximo, com todas as pessoas louquinhas que tenho por lá. E só queria que no mestrado que virá, voltemos a encontrar-nos e quem sabe, na mesma turma.
Para todos cuja própria queima, como a mim, está prestes a chegar. E para aquelas cuja queima/semana académica está já aí para aproveitar ao máximo, também. 
Aproveitem, aproveitem ao máximo! Sejam muito felizes! É tudo nosso ♡

Aaaaah


A expressão do título deve ser a que eu mais penso e digo ultimamente. Tenho andado stressada, porque tenho sempre imenso que fazer, e depois vão acontecendo coisas que parece que são mesmo do contra. 
Pelo menos este fim de semana vou puder aliviar um pouco a cabeça, espero eu! Vou com a família até Viseu 3 dias. Obviamente, levo um livro comigo e o telemóvel pronto para tirar muitas fotos.
Espero que o vosso fim de semana seja bom, está já aí *

Tumblr *


Que dizem vocês do meu tumblr?
Eu cá ando a adorar o novo visual, vibes e tudo mais :)

Energias e afins


 No último ano ou dois, tenho vindo a acreditar cada vez mais que eu sinto muito as energias das coisas e pessoas, e a prova disso é que quando eu sinto que algo não está bem, passe o tempo que passar, acabo por perceber que algo não estava bem mesmo.

 Mas quero falar de algo mais concreto por agora, vou então dizer algo sobre a inveja. A minha avó sempre me disse que a inveja das pessoas é capaz de "fazer" coisas que nem é bom, e cada vez mais entendo isso.
 Vocês sabem, quando sentem que se falarem de algo a alguém essa coisa vai correr mal? Então, se virmos bem, isso é já com um pouco de receio da inveja. Eu falo por mim, sempre que falava de algo pela qual estava muito ansiosa e coisas do género, algo acabava por correr mal, nem que fosse um bocadinho e porquê? Porque há sempre alguém que sente inveja, e isso consegue ter um poder negativo tão grande que essa má energia passa para vocês, por mais que se tente evitar.
 A consequência disto é que, sempre que eu sei que algo de bom me irá acontecer, ou está a acontecer aos poucos no momento, eu não conto a ninguém. Quando acontecer completamente e não há nada que possa alterar isso, aí sim, eu acabo por contar e mesmo assim: tendo atenção a quem conto.
 Houve tempos em que eu era um verdadeiro livro aberto. Hoje em dia ainda aparento ser assim, falo imenso de imensas coisas, mas se forem a ver bem, eu não conto certas coisas às pessoas por este motivo. Inveja.
 Que palavra feia, mas é uma realidade, que tem de ser falada, e que devemos ter muito cuidado.

 Quanto ao resto: Tentem ser luz na vida das pessoas, passem energia positiva apenas que a energia positiva voltará em dobro, por mais energia negativa que possa haver, a positiva irá vencer na vossa vida.

Dispensava a presença delas na minha vida


Detesto pessoas que são as típicas "vizinhas", que estão sempre com as 'antenas' no ar, a reparar em tudo. Depois, como donas de uma grande sabedoria, vão comentar com quem puderem, como se o que assumem fosse verdade. Esperem, supostamente têm as suas vidas; mas lá gostam de se meter na dos outros.

Resumidamente, letras.


O motivo da minha ausência aqui pelo blog é basicamente um, letras. Letras nos processos, relatórios e afins que trato no estágio; letras dos livros que tenho lido; vídeos de booktubers em que me dá vontade de procurar, e claro, ter mais livros; e a amazon, onde ando à caça de ... isso mesmo, livros!
Agora vou tentar arranjar parcerias com umas editoras aqui para o blog ihih

Flowers



Pouca gente tem noção disto, eu adoro flores!
Sempre adorei amores perfeitos, geribérias... Ultimamente tenho desenvolvido um carinho por peónias!
Mas também sou esquisita no que toca a flores, não gosto de todas!

A culpa é do Carnaval

Sim, a culpa é do carnaval. A partir do dia 25, eu mal parava em casa. Sábado foi a festa de carnaval do coro, domingo saí com a família, e durante a semana foi basicamente estágio como já tinha dito.
Mas aqui ficam as últimas perguntinhas do mês de fevereiro:


Dia 25: Que pequena coisa me deu mais gosto nos últimos tempos.
Esta é fácil, o baby, ele é pequeno e é o que me tem deixado mais alegre nos últimos tempos!
Dia 26: O que me anda a incomodar?
O que incomoda qualquer pessoinha, certas atitudes, maioritariamente típicas de crianças. E falsidade.
Dia 27: O quê que eu criei recentemente?
Recentemente, acho que só mesmo um grupo no facebook de organização de uma actividade...
Dia 28: O que me stressa?
O meu orientador não responder aos mails que lhe mando e o senhor que tem de assinar as fichas de estágio nunca estar disponível! Espero bem que não me desça na nota de estágio por coisas que não são culpa minha. Ah, e claro, o projecto de graduação.


Já que estão aqui, digo-vos que andei a alterar o meu tumblr, passem por lá e digam-me se gostam :)
Deixem o vosso que eu dou lá um saltinho!! *

February Challenge || •24


Dia 24: Algo que gostaria de experienciar brevemente é...
Brevemente, brevemente? É ir ao desfile de Carnaval mais conhecido aqui da zona, e super conhecido em todo Portugal claro. Que não fica tão longe quanto isso. Mas ao qual, em 21 anos de vida, eu nunca fui!

February Challenge || •20 & •21 & •22 & •23


Dia 20: O que tem desafiado os meus morais ultimamente?
Provavelmente a necessidade que eu tenho de deixar tudo pronto a tempo e decente, o que me faz ficar mesmo muito stressada.
Dia 21: Quem é o amigo mais recente que eu fiz?
Amigo/a mais recente? Ai, não sei mesmo... Para eu considerar alguém mesmo amigo, é preciso muito. Portanto a última vez que isso aconteceu acho que foi o ano passado mesmo, ups!
Dia 22: Sítios em que comi nos últimos tempos.
Em casa e no McDonald's. Isto é triste de se dizer, mas é a verdade...
Dia 23: Hoje sinto-me segura ao saber que...
Faço sempre tudo o que posso, luto até não poder mais. Mas não depende só de mim.

February Challenge || •17 & •18 & •19

Só vos digo uma coisa: Estágio! E aqui está a explicação para todos os dias de atraso no desafio, mas aqui vão três dos dias. Amanhã colocarei outros três, e fica tudo direitinho :)


Dia 17: Qual foi a última vez que experimentei algo pela primeira vez?
Fácil, foi no domingo passado, li pela primeira vez um livro em inglês. Não um livro que temos de ler para trabalhos e afins, isso já tinha feito. Mas um livro daqueles que lemos como hobbie e afins.
Dia 18: Algo que estou ansiosa que aconteça este ano.
Assim mais próximo: A atividade de carnaval no coro. Fora isto, talvez saber o que vou fazer no mestrado. Mas acima de tudo: A minha queima das fitas!!
 Dia 19: Hoje fiz a diferença na vida de quem?
Na vida da minha avó, levei-a a uma consulta no médico de família e ela ficou toda contente por eu ter ido com ela.

February Challenge || •15 & •16

Dia 14 não participei no desafio porque era demasiado romântico! 
E o dia de ontem, decidi juntá-lo ao de hoje visto que individualmente são pequenos.


Dia 15: Qual foi a última coisa que quis e não tive?
Não me consigo recordar assim muito bem. Mas, penso  que foi um livro. Normalmente nestas coisas de querer e não ter, a mim é à volta de livros!

Dia 16: Em que mood estive/estou hoje?
Estou num mood trabalhador, já fui a uma reunião de estagio. Já preparei umas coisas para a catequese,  no sábado sou eu a dar a sessão. Agora vou pesquisar umas coisas para enviar para o meu supervisor de estagio que ele precisa de saber. Está solzinho, está um tempo que transmite só coisas boas. Ainda vou ver se leio um bocado!

E vocês, como estão? :)

February Challenge || •13


Dia 13: Algo que queria que isto tivesse acontecido, mas agora reconheço 'ainda bem que não aconteceu'!

Na altura, o verão passado, queria muito ter ido ao Mares Vivas, com o Stiles, a Sophie e a Phoebe... Pouco tempo depois, já pensava "Ainda bem que não fui", que fará agora!

February Challenge || •11


Dia 11: Alguém que te tenha encorajado recentemente e como.
Principalmente o Luke, porque me disse que iríamos jogar o jogo de certas pessoas, para eu o fazer mas continuar a ser eu mesma e sem desistir de nada. Espero que consigamos que esta gente não consiga o que quer. Sei que não entenderam, desculpem!
E a Maggie e a Annie porque sabem do sucedido pelo Luke e por mim e disseram que é mesmo hora de jogar e que vamos ganhar.